quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Universo feminino

Mulher gosta de gastar dinheiro e pronto. Não importa se é pobre ou rica, gorda ou magra, branca ou negra, chique ou brega. Mulher adora uma promoção, uma feirinha de artesanato, uma tarde de compras no shopping, um passeio pelas ruas José Paulino e 25 de março, em São Paulo. Mulher adora ir ao cabeleireiro cortar as pontas do cabelo, fazer as unhas, depilação, limpeza de pele. Não importa se é no salão mais caro da cidade ou na vizinha da esquina que acabou de aprender as fórmulas para a beleza feminina.

Mulher adora coleção. De cartões de crédito com limites altos e várias datas de pagamento, de roupas, sapatos, bolsas, bijuterias. Não importa se a marca é Prada, comprada em uma viagem ao exterior, ou uma falsificação idêntica adquirida no camelô da feira de domingo. O importante é ter um guarda-roupa repleto de opções, mesmo que não use a metade. E é por isso que mulher vive dizendo que não tem o que vestir.

Mulheres adoram fofocar no banheiro. Quando se unem em prol de um bem-comum, sai de baixo. Ninguém é capaz de derrubá-las. Mas mulheres também adoram competir e vivem enxergando umas às outras como concorrentes.

Mulher tem necessidade de ser amada e compreendida. Costuma falar nas entrelinhas e acha sim que os homens possuem bola de cristal para adivinharem o que ela está pensando.

Mulher não sabe pensar em uma coisa de cada vez. Precisa exercitar o cérebro colocando tudo o que é possível lá dentro. Da roupa que vai vestir na festa de casamento da amiga à comida que vai preparar no jantar, passando pelo livro que gostaria de ler, o cinema com as amigas e o novo perfume que precisa comprar porque viu na TV e percebeu que aquilo é um item de extrema necessidade em sua vida.

Mulher não é muito chegada em tecnologia. Vive apanhando dos aparelhos. Mas como adora estar na moda, não deixa de adquirir seu mais novo brinquedinho só porque não entende como ele funciona. Como é dotada de inteligência e capacidade de assimilação, logo aprende a lidar com as inovações.

Toda mulher deveria ter direito a um carro zero Km com direção hidráulica, vidros elétricos e sistema que avisa quando é a hora da revisão. Desta forma, ela só precisa se preocupar com três coisas: falar para o frentista olhar a água do carro e calibrar os pneus; levar para a revisão quando o sistema avisar e colocar gasolina ou álcool, dependendo do que compensa mais. Nestas horas, tem sempre um homem para dizer quando é vantagem abastecer com um ou com o outro.

Mulheres adoram se interar sobre os novos tratamentos cosméticos, as cores da estação, os sapatos da moda, as dietas da vez, os alimentos saudáveis. Também estão por dentro dos acontecimentos no Japão, da crise econômica em Portugal, do desmatamento na Amazônia, dos estudos com células-tronco, dos impactos ambientais causados pelo homem.

Mulher só não está por dentro dos jogos do campeonato de futebol, da capa da Playboy deste mês, das peças que precisam ser trocadas no carro, de como fazer uma baliza sem precisar manobrar mil vezes, da diferença entre as marcas de cerveja.
Bem, toda regra tem sua exceção. É claro que existem as mulheres que são diferentes de tudo o que foi citado. Elas são tão fáceis de encontrar quanto homens que não gostam de futebol.

fabianagonzaga

Nenhum comentário:

Postar um comentário